domingo, 16 de outubro de 2016


Cristal: Em final eletrizante, Mucho Fon leva a milha do Bento Gonçalves [15/10/2016]

Jockey Rs

Mucho Fon atropelou forte para vencer o Presidente da República
Disputado nessa tarde de sábado no Hipódromo do Cristal, o Grande Prêmio Presidente da República (L), prova para produtos de 3 anos e mais idade nos 1.600 metros, onde Mucho Fon foi o vencedor.

No larga, vários competidores buscaram as primeiras posições, mas foi Duelo Fatal foi o mais ligeiro e dominou. Dancer Again, Tocoyme Voy, Gubbio, Key Master, Juca Bold, Qua Qua Qua e os demais competidores vinham em seguida. Mucho Fon corria longe na penúltima posição. No final da reta oposta, vários competidores vieram de golpe brigar pela liderança, entre eles Tocoyme Voy, Key Master e Qua Qua Qua. Duelo Fatal sobrou para a quarta posição mas tinha ao seu lado seu companheiro Dancer Again. Ao contornarem a curva e entrarem na reta final, Tocoyme Voy entrou dominando ao centro de pista. Brigando pela última posição, Mucho Fon entrou na reta buscando o externo da pista. Enquanto os holofotes estavam pela briga pela liderança com Tocoyme Voy que era atacado por Dancer Again e Qua Qua Qua, Mucho Fon fazia sua fatal e longa atropelada pela cerca externa. Nos 100 metros finais, Tocoyme Voy foi atacado por Duelo Fatal e Qua Qua Qua, mas foi Mucho Fon que voou nos metros decisivos para vencer a prova. Ultrapassando os ponteiros no último pulo, Mucho Fon conquistou a milha do Bento Gonçalves. Tocoyme Voy foi o segundo a 1/2 cabeça do vencedor. Dancer Again, Qua Qua Qua e Duelo Fatal completaram o placar.



Mucho Fon, 3 anos, filho de Bold Start e Flying Bullet por Magical Mile, de criação do Haras Capela de Santana e de propriedade do Stud Casablanca, chegou a sua segunda vitória em 9 corridas. Apresentado no último furo por H.P.Machado e conduzido por M.B.Souza, Mucho Fon marcou o tempo de 1m42s20.



Por LuizMelão
http://www.raialeve.com.br/ 

By: Constanza Pulgar - De Turf Un Poco

Nenhum comentário:

De Turfe Um Pouco

De Turfe Um Pouco
Imprensa Internacional